Portal Joel Kinnaman

Fotos: The 68th Annual Emmy Awards

Joel esteve ontem no The 68th Annual Emmy Awards em Los Angeles. Confira em nossa galeria as fotos:


Confira todas as imagens deste álbum




Nova entrevista traduzida: The Laterals

Fonte: thelaterals.com | Traduzido por Portal Joel Kinnaman.

Eu li que você cresceu na Suécia, mas o seu pai era americano. Você poderia nos dizer como foi crescer lá e que tipo de influência que a exposição bicultural teve sobre você?
Crescer na Suécia, eu fui para uma escola Inglês, onde houve uma enorme mistura de crianças com diferentes nacionalidades de toda a cidade. Alguns deles eram crianças diplomáticas ricas, e alguns eram da periferia dos guetos. Ir à escola nesse tipo de contexto em torno de tantas etnias diferentes e estilos de vida me fez sentir que eu não era completamente sueco, mas que eu era mais uma parte desta comunidade global de imigrantes de segunda geração, porque o meu pai era americano.

Quando criança, quem você diria que o inspirou a começar a atuar e por quê?
Foi uma combinação de coisas. Minha irmã era uma atriz, então eu a vi fazer sua coisa e entendi que era uma profissão que eu poderia levar a sério e fazer para ganhar a vida. Também ajudou o fato dela ter encontrado muito sucesso em uma idade jovem e começou a trabalhar com todos os grandes cineastas suecos, como Lasse Hallström, Ingmar Bergman e Bo Widerberg, de modo que realmente despertou meu interesse. Eu também tive um bom amigo meu que estava realmente envolvido com atuação, então eu estava cercado e exposto a profissão desde uma idade muito jovem.

Continue lendo »




Videos: The Late Late Show with James Corden

Joel esteve essa semana no programa The Late Late Show with James Corden. Confira os videos (sem legenda):




Novo Photoshoot: Por Dani Brubaker

Em entrevista para o site thelaterals.com, foi divulgado um novo photoshoot feito pelo fotografo Dani Brubaker. Confira as fotos em nossa galeria:


Confira todas as imagens deste álbum

Em breve postaremos a entrevista traduzida.




Entrevista Traduzida: Vulture

Fonte: vulture – Publicada em 12 de Agosto de 2016 por Abraham Riesman | Traduzido por PJK.

A entrevista contêm spoilers do filme Edge of Winter!

Você esteve promovendo “Edge of Winter”. Você já prestou atenção à recepção de Esquadrão Suicida?
Não. Ele estreou, e isso foi ótimo, mas eu estive apenas no mundo de Edge of Winter. Havia tantos atores nesse filme, então eles não precisam de mim para falar sobre isso de forma alguma. Eu acho que o departamento de buffet no Esquadrão Suicida teve um orçamento maior do que tínhamos em Edge of Winter. [Risos.]

Você já leu alguma crítica de Esquadrão Suicida?
Eu li algumas, mas eu não gostei de ler-los, então parei. Eles não eram gentis.

Como eles fazem você se sentir?
Você sempre espera ter bons comentários. É sempre mais agradável quando as pessoas dizem coisas boas sobre você. Mas em um filme como Esquadrão Suicida, realmente só tem a ambição de entreter. Não há grandes aspirações políticas sobre o filme; que não se leva a sério. A única maneira que leva a sério é retratar esses personagens de uma maneira honesta. Eu realmente acho que fizemos isso, e eu estou orgulhoso do meu trabalho e do trabalho de todo mundo no filme, também. Então, em um filme como este, que tem esses tipos de ambições; torna-se ainda mais importante o que os fãs pensam. Fizemos este filme para os fãs.

Não me lembro de ter visto uma maior disparidade entre os críticos e fãs em resposta a um filme. Realmente era como noite e dia. Acabamos de ser regados com amor e apreço por este, por isso tem sido fenomenal. Claro, o filme não é perfeito. Mas o tipo de sarcasmo que ele tem? [Risos.] Ele com certeza não merecia isso. Eu acho que, na verdade, pode ter sido bom para o filme. Agora as pessoas não têm elevadas expectativas por ele. Isso redefiniu isso um pouco, e as pessoas foram para os cinemas e acabaram se divertindo com o que viram. Então, eu fiquei muito feliz com a forma como essa coisa toda acabou.

Continue lendo »




Joel Kinnaman: “As críticas fizeram bem ao filme”

As críticas negativas a Esquadrão Suicida continuam rendendo. Agora foi a vez de Joel Kinnaman, o Rick Flagg de Esquadrão Suicida, se manifestar sobre a resposta dos críticos ao filme.

“Eu vi algumas, mas eu não gostei muito do que estava lendo, então parei. Eles não foram legais”, admitiu o ator em entrevista ao Vulture.

Kinnaman continua, reconhecendo que Esquadrão Suicida “não se leva a sério”: “Você sempre espera ter boas críticas, é sempre melhor quando as pessoas dizem coisas agradáveis sobre você. Mas um filme como Esquadrão Suicida só tem ambição de entreter. Não há grandes aspirações políticas sobre o filme, ele não se leva tão a sério. A única parte que o filme leva a sério é retratar os personagens de uma maneira honesta. E realmente acho que fizemos isso, estou orgulhoso do meu trabalho e do trabalho de todo mundo no filme. Nós fizemos ele para os fãs, e num filme dele a opinião dos fãs é o que importa mais”.

Por falar em fãs, Joel Kinnaman se diz feliz com a reação deles a Esquadrão Suicida e que as críticas “fizeram bem” ao longa da DC, pois “diminuíram as expectativas”.

“Não me lembro de ter visto tanta disparidade entre críticos e fãs em um filme antes. Foi como dia e noite. Mas nós estamos recebendo muito amor e agradecimento deles, então tem sido fenomenal. Claro, o filme não é perfeito, mas com o tipo de tipo de sarcasmo que ele tem? [risos]. Certamente não merecia [tantas críticas]. Na verdade eu acho que isso pode ter sido bom para o filme, porque agora as pessoas não tem grandes expectativas, apenas vão aos cinemas e se divertem com o que estão assistindo. Então fiquei muito feliz com o rumo que as coisas tomaram”, finalizou.

Fonte: Observatorio do cinema.




“Esquadrão Suicida” quebra recorde de bilheteria com maior abertura de agosto

“Esquadrão Suicida” estreou na última sexta-feira (05) nos Estados Unidos, e apesar das muitas críticas negativas, o filme fez sucesso nas bilheterias, com uma abertura de US$ 135 milhões, passando “Guardiões da Galáxia” em mais de $40 milhões e se tornando a maior bilheteria de abertura do mês de agosto no país.

Na bilheteria mundial, o filme já arrecadou US$ 267,1 milhões apenas no primeiro fim de semana. As críticas negativas parecem não estar afetando a performance de “Esquadrão Suicida”, e como Joel Kinnaman, ator que interpreta o personagem Rick Flagg, bem afirmou na estreia do filme em Londres, “o que importa mesmo é que os fãs gostem”.

No Brasil, em seu final de semana de abertura, liderou o ranking com um total de R$ 38,9 milhões de reais, incluindo as pré-estreias pagas, e levando 2,290,000 milhões de pessoas aos cinemas, em 1406 salas no país.

Fonte: cinemacomrapadura.com.br




Videos: Entrevistas com Joel Kinnaman e Viola Davis

Confira as entrevistas do Joel e Viola Davis esta semana enquanto promoviam “Esquadrão Suicida”.




Fotos: Premiere “Esquadrão Suicida” em Londres

Aconteceu ontem a premeier do filme em Londres! Confira em nossa galeria todas as fotos:


Confira todas as imagens deste álbum




Fotos: Premiere “Esquadrão Suicida” em NYC

Adicionei 80 fotos do Joel na premiere de “Esquadrão Suicida” que aconteceu ontem em NYC! Confira em nossa galeria:


Confira todas as imagens deste álbum




Páginas12345... 11»